Leia também:
X PEC dos Benefícios: Saiba quais deputados votaram contra

Bolsonaro diz que apresentará solução da guerra para Zelesnky

Líder brasileiro e presidente ucraniano têm telefonema marcado

Thamirys Andrade - 14/07/2022 10h39 | atualizado em 14/07/2022 11h14

Bolsonaro e Zelensky Fotos: Isac Nóbrega/PR // EFE/EPA/LESZEK SZYMANSKI

O presidente Jair Bolsonaro (PL) comentou, nesta quinta-feira (14), sobre o telefonema marcado entre ele e o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, para o próximo dia 18. O líder brasileiro afirmou saber qual a solução para a guerra contra a Rússia e pontuou que pretende apresentá-la ao chefe do Executivo ucraniano durante a ligação.

Em entrevista à CNN Brasil, Bolsonaro se limitou a dizer que a resolução do conflito tem a ver com o fim da Guerra das Malvinas, entre Argentina e Reino Unido em 1982.

– Vou dar minha opinião a ele, o que eu acho. A solução para o caso [guerra]. Eu sei como seria a solução do caso. Mas, não vou adiantar. A solução do caso… Como acabou a guerra da Argentina com o Reino Unido em 1982? É por aí. A gente lamenta. A verdade são coisas que doem, machucam, mas você tem que entender – assinalou.

O presidente ainda relatou que o convite para o telefonema partiu da Ucrânia.

– Foi ele [Zelensky] que buscou conversar conosco. E eu disse de imediato que conversaria com ele, sim. Ele tem um país grande para administrar. Tudo que foi acordado com o presidente Putin está sendo cumprido. Da minha parte e da parte dele. Vou conversar bastante com ele [Zelensky]. É um liderança, e vou dar minha opinião para ele. Essa guerra tem causado transtorno não só para o Brasil. Brasil menos. É muito mais para a Europa – acrescentou.

Leia também1 Biden fala em integração de Israel com Oriente Médio
2 Bill Gates diz que doará US$ 20 bilhões à própria fundação
3 No Oriente Médio, Biden não aperta mão para prevenir Covid
4 Hepatite infantil misteriosa ultrapassa mil casos, diz OMS
5 Lago é interditado após caso de "ameba comedora de cérebro"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.