CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Covid: Teich revela conversa com laboratórios para garantir tratamento ou vacina

Após críticas, marca desiste de vender máscaras de R$ 147

Osklen emitiu nota sobre decisão

Pleno.News - 06/05/2020 21h38 | atualizado em 06/05/2020 23h15

Máscaras vendidas pela Osklen Foto: Reprodução

Após ter sido alvo de críticas, a Osklen deixou de vender máscaras de proteção contra o novo coronavírus. Uma nota emitida pela marca confirmou a suspensão das vendas.

– No lançamento, realizado em 5 de maio, ouvimos a opinião pública. Decidimos, então, suspender a venda do pack e entendemos que é um momento de repensar o projeto. Independentemente disso, continuaremos com nossa ação social – informou o texto.

A Osklen estava vendendo um pacote com duas máscaras por R$ 147. Devido ao preço, no entanto, a marca acabou virando alvo de críticas em redes sociais. Usuários apontaram o alto preço do produto na comparação com as máscaras feitas por outros costureiros e costureiras. Eles também falaram sobre uma tentativa de empresa em lucrar durante a crise.

Em resposta às críticas, a Osklen informou que parte do valor do pacote será revertido em cestas básicas “para a comunidade do Jacarezinho, zona norte do Rio de Janeiro, onde vivem 50 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social”.

Leia também1 Marca é criticada por vender máscaras a R$ 147
2 Crise da Covid: Marca J. Crew pede recuperação judicial
3 A expressão na forma de vestir e decorar
4 Grife de Victoria Beckham demite 30 funcionários

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo