Leia também:
X Em carta, Lula diz “ter fé em Deus” que sairá da cadeia

Alvo de protestos, Toffoli fala em ‘assassinato de reputações’

Presidente do STF abriu inquérito para apurar críticas a ministros

Gabriela Doria - 16/03/2019 21h23 | atualizado em 16/03/2019 21h47

Presidente do STF, Dias Toffoli Foto: STF/Carlos Humberto

Na mira de protestos virtuais pelo Brasil, o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, declarou ao jornal O Estado de S. Paulo que está acontecendo um “assassinato de reputações” na internet.

– Esse assassinato de reputações que acontece hoje nas mídias sociais, impulsionado por interesses escusos e financiado sabe-se lá por quem, deve ser apurado com veemência e punido no maior grau possível. Isso está atingindo todas as instituições e é necessário evitar que se torne uma epidemia – disse Toffoli.

A declaração acontece na mesma semana em que o magistrado abriu inquérito para investigar fake news, ameaças e ofensas contra os membros do STF.

O presidente do STF também manifestou preocupação com outras instituições.

– Os ataques às instituições que vitimizam todos, incluindo a imprensa séria, são verdadeiros atentados ao estado democrático de direito. Judiciário independente e imprensa livre são as bases da democracia. Foi assim que os Estados Unidos foram construídos – afirmou.

Leia também1 Após encontro, Maia fala em "pacto para governar o Brasil"
2 População mobiliza passeata contra STF pelo Brasil
3 Internautas criticam STF com a tag #STFNãoVaiNosCalar

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.